5 Projetos Criativos de Restaurantes Nacionais

No desenvolvimento de um projeto de restaurante, vários fatores devem ser pensados de acordo com o perfil do local para compor sua arquitetura. Para criar um ambiente mais aconchegante, onde o tempo de permanência dos clientes será maior, pode ser utilizada uma iluminação mais amarelada, revestimentos e materiais com tons mais quentes como a madeira, e mobiliário mais confortável, dentre outros aspectos específicos para cada estabelecimento. Se, por outro lado, o interesse seja por compor um ambiente onde o fluxo de pessoas seja maior e, consequentemente, o tempo de permanência destas no local seja menor, a iluminação utilizada pode ser mais fria e o mobiliário pode evitar superfícies estofadas e apresentar dimensões mais enxutas, comportando um maior número de pessoas no espaço e induzindo a rotatividade.

Neste post vamos mostrar alguns exemplos de restaurantes brasileiros muito conhecidos por sua bela arquitetura e pelo aconchego e receptividade presentes em seu projeto, destacando seus principais aspectos e diferenciais.

1. Restaurante Káa

Internacionalmente conhecido pela beleza revelada em seu interior, o Restaurante Káa, projetado por Arthur Casas e localizado em São Paulo, chama atenção pelo seu pé-direito alto e pela parede verde em toda sua extensão. A edificação estreita de 798m² conta ainda com um espelho d’água que fica embaixo da vegetação, auxiliando na composição de uma atmosfera mais relaxante e, em conjunto com as plantas, conferindo maior conforto térmico em seu interior. O conceito deste projeto é configurar um local onde as pessoas possam “fugir” do caos urbano da cidade grande e desfrutar de momentos de tranquilidade em um ambiente verde e com ar puro.

15708_090206_006D.jpg
Jardim vertical contrastando com a estante. Fonte
15708_090206_019D.jpg
Espelho d’água embaixo da parede verde. Fonte

2. Restaurante Olga Nur

Este outro exemplo, localizado em Belo Horizonte, Minas Gerais, já não apresenta a mesma rusticidade do restaurante recém apresentado. Com 160m², o Restaurante Olga Nur compõe-se com prateleiras em ferro e vidro e impressiona pelo elemento de madeira fixado em seu forro. Composto por quase 80 mil pendentes de madeira dispostos em diferentes níveis, a cobertura parece um perfil topográfico invertido que delimita espaços, abriga a iluminação de modo discreto e efetivo e proporciona uma experiência nova aos seus clientes, transportando-os a uma nova atmosfera. A ambientação do espaço idealizado pelo Escritório Arquitetos Associados é dividida entre área externa, onde um toldo de tecido recobre as mesas com cadeiras coloridas postas na calçada criando uma atmosfera mais informal, e área interna onde os tons escuros, o uso da madeira e do vidro e o elemento no teto proporcionam um ambiente mais intimista e sofisticado.

03_OLGA_NUR_Foto_por_Gabriel_Castro.jpg
Restaurante Olga Nur. Fonte
featured_image.jpg
Destaque para o elemento no teto. Fonte

3. Restaurante Gurumê

Os projetos de restaurantes temáticos, por sua vez, fornecem um repertório formal mais delimitado que ajuda a definir as inspirações e referências sem limitar a criatividade de seus idealizadores. Tendo como inspiração a palavra “gourmet”, o restaurante japonês Gurumê, estabelecido no Rio de Janeiro, traduz o seu conceito usando cores mais claras e muita madeira em seu interior e exterior, o que mantém o ambiente despojado e tranquilo. O contato com o exterior se dá através de uma janela em fita que percorre a extensão da fachada. Os espaços internos, por sua vez, são setorizados em 3 ambientes: o sushi bar, onde o cliente acompanha a preparação do alimento, um salão principal, onde os clientes são convidados a interagirem uns com os outros em uma mesa coletiva, e um salão mais íntimo, com mesas para menos pessoas dispostas em um túnel revestido de madeira do chão até o teto. Assim, o Restaurante idealizado pelo arquiteto Thiago Bernardes permite diversas formas de apropriação, desde reuniões informais, até encontros mais íntimos e restritos.

06075_140925-001D.jpg
Fachada do restaurante. Fonte
06075_140925-015D.jpg
Mesa coletiva. Fonte
06075_140925-002D.jpg
Túnel revestido de madeira. Fonte

4. Restaurante Manish

Ainda na linha de restaurantes temáticos, destaca-se o Restaurante Manish, de autoria dos escritórios ODVO e Mínima. Restaurante árabe localizado em São Paulo, seu projeto tem como partido a cultura deste povo, que dá grande importância ao convívio e à interação entre todos. A partir disso, o interior foi pensado de modo a integrar-se com o exterior, separando-se da calçada apenas por um jardim com árvores que ganham destaque em uma das fachadas.  Outra fachada, por sua vez, é revestida com um grande muxarabi – elemento característico da arquitetura árabe – que permite a entrada de luz em seu interior e demarca sua entrada social. Seu desenho foi inspirado na Mesquita Nacional da Malásia, em Kuala Lampur, e desenvolvido especialmente para o projeto. Em seu interior está presente também uma obra de arte desenvolvida pelo artista Marcus Dan, que consiste em um mural inspirado na tapeçaria predominante em tal cultura, passando um pouco de sua história através das cores, formas e elementos que o compõe.

restaurante-manish1117.jpg
Muxarabi na fachada principal. Fonte
restaurante-manish1425.jpg
Interior do restaurante. Fonte

5. Restaurante Nau

A cultura também serviu de referência ao Restaurante Nau, obra da arquiteta Sandra Moura. Localizado às margens do Lago Paranoá, na Capital Federal, o restaurante teve sua arquitetura inspirada nos costumes do litoral paraibano, em contraste com seu entorno composto por uma urbanidade latente em concreto. A referência ao mar é feita através de elementos como os barcos pendentes no teto sob mesas em formato de jangadas, e como as ranhuras nas paredes que remetem a escamas de peixe. Nas fachadas foram utilizados o concreto aparente, dialogando com o entorno, e o aço cortén, que harmoniza com este material sem deixar de trazer uma certa rusticidade que remete ao mar. Além disso, seus recortes em um formato que remete às folhas da palma, planta típica da região nordestina, também faz referência à cultura em questão. O elemento água, por sua vez, é trazido para o projeto em forma de um lago sobre o qual desenvolve-se a passarela de acesso, facilitando o conforto térmico e a umidificação de seu entorno, caracterizado por ser essencialmente seco e fazendo mais uma referência ao mar.

arq_57560
Fachada principal do Nau. Fonte
(8)140217_Restaurante_NAU_0774.jpg
Barcos suspensos no teto. Fonte

Seja em restaurantes temáticos ou não, inúmeras são as possibilidades de projeto existentes, variando conforme o conceito e as intenções de cada estabelecimento. É importante ressaltar que a facilidade de limpeza das superfícies e a higiene devem ser constantemente observadas, uma vez que incidem sobre estes projetos uma série de legislações específicas a fim de garantir seu desempenho funcional, seguro e saudável.

_________________________

Se você gostou deste conteúdo ou tem alguma sugestão sobre temas a serem apresentados aqui ou sobre formas de melhorar o blog, comente ou entre em contato. Sua opinião é muito importante para nós!

Caso esteja interessado em um projeto arquitetônico, estudo de viabilidade ou projeto de interiores, nossa equipe terá o maior prazer em atendê-lo!
Acesse nosso site e conheça mais sobre o nosso trabalho e os serviços que oferecemos:
www.curvo.com.br

Logo.png

(47) 32687194

curvoarquitetura@hotmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s